Mercado Medieval de Óbidos
18. 07. 201904. 08. 2019
Fogo, Festa e Folgança

A XVIII edição do Mercado Medieval de Óbidos decorre de 18 de Julho a 4 de Agosto, aberto de quinta-feira a domingo, na Cerca do Castelo de Óbidos.
Nesta zona, outrora usada como campo de treino de escudeiros e cavaleiros ao serviço d’el Rei, os Paços do Castelo transformam-se num imenso burgo que invoca costumes ligados ao quotidiano dos povos medievos, no qual já foram abordadas áreas como o Medo na Idade Média, ou a Importância da Água, sendo este ano o Fogo o mote para o assentar dos arraiais.
Sendo um evento de forte cariz comunitário, onde é visível o trabalho, esforço e dedicação de todas as associações culturais, desportivas, recreativas e IPSS do concelho de Óbidos, que ano após ano, trabalham com o intuito de receber bem quem os visita, o programa é sempre muito diversificado e rico, dando oportunidade a atores, malabaristas, manipuladores de fogo e jograis de mostrar as suas artes e cantorias 
nesta real festança.
Esta edição irá, certamente, encantar cavaleiros e damas, nobres e burgueses e outros demais com espetáculos de fogo, teatro, artesãos, ofícios e mesteres, torneios a cavalo, combates apeados, entre outras vivências da época.
Entre folganças e festas, faça parte da história no Mercado Medieval de Óbidos!

18.07.2019
Faltam..
0
0
0
0
Days
0
0
Hrs
0
0
Min
0
0
Sec

Bilheteira

COMPRE AQUI

MERCADO MEDIEVAL DE ÓBIDOS 2019
5.ª feira: 17h00-00h00
6.ª feira: 17h00-01h00
Sábado: 11h00-01h00
Domingo: 11h00-00h00

Entrada gratuita até aos 11 anos (inclusive)
Entrada (>12)- € 7,00

Termos e condições

CENÁRIO MEDIEVAL (22 de Julho a 2 de Agosto)
de segunda a sexta-feira (>3) – €2,50
Segunda a Quarta-feira: das 9h00 às 18h00
Quinta e Sexta-feira: das 9h00 – 13h00
Espaço cenográfico do Mercado Medieval:
– inclui atividade de recriação
– não inclui tabernas nem espetáculos

SERÃO MEDIEVAL
(5ª feira a Domingo)
3 – 11 anos – €19,90
> 12 anos – €49,90
*Inclui: Entrada no Evento + Traje + Lugar Reservado no Torneio + Ceia Medieval

DESCONTOS (só disponível na Bilheteira Local)
• Grupo (+15 Pax) – € 6,00/pessoa
• Trajados à Época (>12) – € 6,00
Especial Empresas

Programação diária

– Programa em atualização

Música

Alvorada | Compagnia La Giostra | Cornalusa | Gaiteiro d’Óbidos | Goliardos | Jograis d’el Rei | Lôa Trovadoresca | Manta d’Ourelos | Neiva | Trabucos

Animação de Rua, Malabares, Dança e Teatro

Ana dos Gansos | Animatus | Anymamundy | As Contadeiras | Burros de Magoito | Fire Dragons | Jenüs | Malatitsch | Agita Associação Cultural e Social | Pé na Dança | Saltimbanco da Charneca | Scalarium | Teatro Hábitos | Terras de Charneca | Três Irmãos

Recriação Histórica

Roteiro de Época-Recriação Histórica | Acampamento Mouro – Alcaide Faria Fernandes | Armis Nostrum – Acampamento Militar | Cavaleiros de Ribadouro | Hoste do Magriço | Ilustre Cruzada | Mestre de Liça Francisco de França

Mercado

Tabernas Medievais

Cozinha Medieva – Na Idade Média, excetuando alguns períodos de maiores dificuldades económicas ou de cataclismos naturais, a alimentação da população, incluído todos os estratos sociais, seria razoável e suficiente para as necessidades nutricionais da época. As principais refeições do dia eram: o jantar e a ceia. Jantava-se, nos finais do século XIV, entre as dez e as onze horas da manhã e a Ceia tomava-se por volta das seis ou sete horas da tarde, muito próximo do anoitecer. Conheça aqui a Cozinha Medieval

A apresentação de manjares e sabores de época, é proporcionada no Mercado Medieval de Óbidos pelas colectividades do Concelho de Óbidos, seguindo preceitos e regras que limitam a utilização de produtos e elementos aos que em época se utilizaram.

Tabernas

Cambistas / Torreão


Nas bolsas das boas gentes

As primeiras moedas portuguesas terão sido produzidas ainda no reinado de D. Afonso Henriques, certamente depois de, em 1179, este ter sido reconhecido pelo Papa como Rei. As moedas eram pequenas espécimes feitas de bolhão, uma liga de cobre e de prata.
O Mercado Medieval de Óbidos cunhou o Torreão, no ido ano da Graça do Senhor de 2003, com cunho desenhado pelo escultor José Aurélio, e volta a criar uma coleção em 2018, destinada a facilitar as trocas mercantis neste mercado. Em 2019, apresentamos uma nova coleção, para encher as bolsas de quem aqui circula. Entre as bolsas das boas gentes, nas tavernas e nas tablas dos mercadores, moedas de meio, um, dois, cinco e dez torreões.
A moeda é de boa cunhagem e o metal de valor, lavrada no anverso com castelo de três torres e, no reverso, o valor do torreão.
Procure pelo símbolo do torreão, no posto de informação ou no posto do cambista e entre no espírito medieval, revivendo a história, usando a nossa moeda.

Torneios e Justas
O “prazer” da violência foi uma constante na nobreza medieval.
O torneio era a ocasião mais propícia para um cavaleiro demonstrar coragem e honra.
Era o momento no qual os homens brutos e violentos desafogavam as suas energias acumuladas e se entregavam virilmente à luta.
Cavaleiros & Falcoeiros de Ribadouro e Ilustre Cruzada


Serão Medieval

“𝑬 𝒂 𝒎𝒆𝒔𝒂 𝒅𝒆 𝑬𝒍-𝑹𝒆𝒊 𝒄𝒐𝒎 𝒕𝒐𝒅𝒐𝒍𝒐𝒔 𝒐𝒇𝒊𝒄𝒊𝒂𝒊𝒔 𝒓𝒊𝒄𝒂𝒎𝒆𝒏𝒕𝒆 𝒗𝒆𝒔𝒕𝒊𝒅𝒐𝒔 𝒅𝒆 𝒃𝒓𝒐𝒄𝒂𝒅𝒐𝒔, 𝒆𝒔𝒄𝒖𝒅𝒆𝒊𝒓𝒐𝒔 𝒔𝒆𝒓𝒗𝒊𝒂𝒎, 𝒔𝒐𝒃 𝒂 𝒍𝒖𝒛 𝒅𝒆 𝒕𝒐𝒄𝒉𝒂𝒔, 𝒖𝒎 𝑩𝒂𝒏𝒒𝒖𝒆𝒕𝒆 𝒓𝒆𝒑𝒍𝒆𝒕𝒐 𝒅𝒆 𝒊𝒏𝒇𝒊𝒏𝒊𝒕𝒐𝒔 𝒆 𝒅𝒊𝒗𝒆𝒓𝒔𝒐𝒔 𝒎𝒂𝒏𝒋𝒂𝒓𝒆𝒔 𝒆 𝒊𝒈𝒖𝒂𝒓𝒊𝒂𝒔… “

Nos Serões Medievais terá a oportunidade de viver uma experiência singular integrada no Mercado Medieval, trajar-se à época, percorrer as ruas medievais, assistir ao torneio e deliciar-se com o repasto enquanto assiste aos espectáculos.

Horários e Preços
De 5ª feira a domingo

3-11 anos – €19,90

>12 anos – €49,90

Inclui: Entrada no Evento + Traje + Lugar reservado no Torneio + Ceia Medieval
As Ceias serão servidas pelo Curso de Restauração, Cozinha e Pastelaria da Escola Josefa d’Óbidos (Cerca do Castelo – Recinto)

Entrega do Traje – Os trajes deverão ser levantados entre as 17h00 e as 20h00
Entrada no Recinto – horário geral do evento

Torneio Medieval – Lugar reservado no interior do Recinto – Liça

Soar d’água – Repasto – 20h30 às 23h30 – Os convidados tomam o seu lugar à mesa (Cerca do Castelo – Recinto)

Ementa

Para mais informações contacte o Posto de Turismo.
(T. 262 959 231 – Email: posto.turismo@cm-obidos.pt)

Venha usufruir desta experiência única!

Mercadores / Artes e Ofícios

Sabia que no campo o moinho, onde o camponês tem de levar o cereal e esperar pela sua farinha, é o local de reunião por excelência. Os monges iam pedir esmola, as prostitutas rondavam as suas imediações.O artesanato, como principal fonte de produção de mercadorias, constitui­se a partir do renascimento comercial e urbano do sec. XI, transformando a economia e a vida em sociedade, pelo que as feiras e mercados, destacavam-se como centros de desenvolvimento das cidades e aldeias. O artesão desenvolvia um ofício e os ofícios medievais como padeiro, carpinteiro, ferreiro, ou outros, estavam agregados a guildas (associações) para garantirem a sua defesa e desenvolvimento, sendo as regras bastante apertadas. Por exemplo, não podia haver sobreposição de ofícios, tinham uma hierarquia própria (mesteirais) e, geralmente, cada artesão ficava cerca de 10 anos em cada ofício, onde o mestre de ofício era responsável pela alimentação e residência.
O mercador era a personagem social que estava no centro das relações que se travavam nos espaços comerciais dos burgos, sendo o responsável pela aquisição de produtos de outras proveniências e de as colocar em venda nas feiras, exercendo uma atividade eminentemente itinerante.Os mercadores e artesãos do Mercado de Óbidos são também convidados a participar com produtos recriando a época e dando vida a esta grande festa que se faz.

Artes e Mesteres 2018

Animação 2018

Spot 2018

Teaser 2018

Galeria

Mercado Medieval de Óbidos 2018

Informações

CONTACTOS

Óbidos Criativa E.M.
Edifício Paços do Concelho | Largo de São Pedro
2510-086 Óbidos

Informações (Posto de Turismo): 262 959 231
Organização: 262 955 561
E-mail // mercadomedieval@cm-obidos.pt

SMIIT

Y

Viva o Mercado Medieval de Óbidos de forma interativa, com a SMIITY! Faça já o download gratuito na App Store e Google Play.
– Flyer (Português)

– Flyer (Inglês)

As auto-estradas A8 (Lisboa-Leiria) e A15 (Óbidos-Santarém), bem como o IP6 (Peniche-Óbidos) tornam o acesso a Óbidos extremamente fácil.
Aconselhamos as seguintes saídas para um acesso mais rápido aos parques de estacionamento do evento:
A8 Norte – Saída 17 – Gaeiras/Óbidos ;
A8 Sul – Saída 15 – Óbidos

Coordenadas:
Lat: 39° 21′ 29.33” N
Long: 9° 9′ 29.16” W

Rápida Verde
Para mais horários: Rápida linha verde (link)
De Comboio: http://www.cp.pt/

Evento ao ar livre // Aconselha-se o uso de agasalhos.(roupa adequada à época)

Estacionamento // Há bolsas de estacionamento junto a Óbidos, com capacidade para mais de 4 mil viaturas.

Postos de Combustível // Estrada N8 – PRIO; Estrada N114 – CEPSA.

Posto de Turismo // Encontra-se junto ao Parque de Estacionamento principal, a cerca de 200 metros da entrada da Vila de Óbidos.

Restauração // Há diversos restaurantes na zona de Óbidos. No Posto de Turismo tem acesso a toda a listagem, assim como a sua localização.

Unidades Hoteleiras
// No concelho de Óbidos existem unidades hoteleiras. No Posto de Turismo tem acesso a toda a listagem, assim como a sua localização.

Sanitários Públicos/Fraldários // Existem diversos sanitários públicos espalhados por toda a Vila. Encontra-se um fraldário no sanitário público do Solar da Praça de Santa Maria (Museu Municipal) e outro na Cerca do Castelo.

Caixas Multibanco // Existem 3 Caixas Automáticas, junto à Porta Principal da Vila (Novo Banco, Crédito Agrícola e CGD). No interior do Centro Histórico, existe uma Caixa Multibanco em frente à entrada do Museu Municipal de Óbidos, junto à Praça de Santa Maria, no centro da Vila. Por motivos alheios à organização e face ao aumento de visitantes a Óbidos, durante os eventos, sugerimos que se prepare antecipadamente, uma vez que as Caixas Multibanco são limitadas.

Acessibilidades // Nesta edição do Mercado Medieval de Óbidos existem alguns condicionamentos na acessibilidade a pessoas com mobilidade reduzida “permanente e temporária” (cadeiras de rodas, pessoas com limitações de mobilidade, carrinhos de bebé).

• Manter os espaços limpos.
• Permitida a entrada a animais de estimação desde que em conformidade com a lei que regula estes casos (seguro, açaimes, trela,…)

• Não pisar os espaços verdes nem arrancar plantas e flores.
• Respeitar as vedações das zonas de cenografia.
• Reservado o direito de admissão.

O não cumprimento das regras do Mercado Medieval pode implicar a expulsão do visitante ou, mesmo, um procedimento legal.