Sociedade Filarmónica e Recreativa Gaeirense

A Sociedade Filarmónica e Recreativa Gaeirense foi fundada em 1 de Outubro de 1925, embora só em 9 de Junho de 1981 fosse oficializada por escritura lavrada no Cartório Notarial de Caldas da Rainha. De realçar que esta instituição veio suceder à Tuna da Sociedade Musical Gaeirense, que era composta por 13 elementos.

Ao longo de 91 anos, tem esta coletividade dedicado grande empenho na realização e organização de atividades culturais e recreativas, evidenciando-se, de entre estas, a área musical. No âmbito desta importante atividade tem merecido especial dedicação a Banda Filarmónica e a Escola de Música. A Banda Filarmónica tem ao seu serviço cerca de 35 elementos, a sua maioria jovem, que a ela dedicam um carinho digno de realçar e uma dedicação exemplar. As aulas musicais neste momento são ministradas, pelo Maestro João Jesus e professores Gualdino Fróis, Paulo Assunção, Gonçalo Marques e Emanuel Libório. As aulas são totalmente gratuitas.

É Instituição de Utilidade Pública desde 27 de Maio de 1997.

Culminando um esforço conjunto de várias Direções, foram ampliadas as instalações da sede social no ano de 1997. Finalmente, um sonho de vários anos tornou-se uma realidade e as várias salas para aulas da Escola de Música, a sala de ensaios da Banda Filarmónica, a sala de reuniões da direção e a sala de convívio e bar, vem engrandecer bastante o já rico património da coletividade. Foram iniciadas e completadas, no ano 1998, a 2ª fase das obras de ampliação da sede social, no qual se devem destacar obras no palco e a criação de uma sala polivalente. No ano de 2000, foi iniciada e completada a remodelação da acústica e da cobertura da sala de espetáculos. Em 1997, gravou um C.D. em conjunto com outras Bandas, Ranchos Folclóricos e Grupos Corais do Concelho de Óbidos, integrado nas comemorações dos 850 anos de Óbidos. No ano de 2003, foi criado a Orquestra Juvenil, com o intuito da sua preparação para posterior integração dos seus elementos na Banda. No ano de 2005, iniciou dois projetos: a criação de um Rancho Folclórico Infantil e de um Grupo Barroco de Metais. A 11 de Janeiro de 2006, foi atribuída pela Câmara Municipal de Óbidos a Medalha de Mérito Municipal. No ano de 2006, gravou um CD na Escola Superior de Comunicação de Lisboa e na Sala de Espetáculos da SFRG. No ano de 2008, criou-se a Banda Juvenil, a Orquestra Ligeira da SFRG. Em 2009, recebeu a Medalha de Mérito atribuída pela Junta de Freguesia das Gaeiras.

Iguarias: Sopa Aporcalhada, Perna de Porco; Espetada de Aves; Coxas Frango Assadas; Pão com Chouriço; Pão com Peixe seco;

Voltar
2018-07-11T15:41:20+00:00